• Os 10 Passos Para a Recuperação de um Pé na  Bunda (Para Mulheres)
  • Os 10 Passos Para a Recuperação de um Pé na


    Bunda (Para Mulheres)


    O seu amor lhe vira as costas e com ele você vê partir também a sua dignidade, seu amor próprio e qualquer possibilidade de felicidade futura. Você fecha olhos e punhos ao sentir a dor lacerante que a rejeição provoca no seu corpo e só faz pedir para que o chão se abra sob seus pés para te tirar de tamanho sofrimento. Oi?

    Desculpe, mas ninguém morre de amor. Aquilo que matava poetas, artistas e filósofos na época do romantismo se chamava tuberculose, ok?

    Pé na bunda dói pra caramba, dói muito mais do que a agressão no seu sentido literal, mas tem cura e te faz mais forte quando passa. Não vou garantir que os 10 passos abaixo vão resolver todos os seus problemas mas podem, no mínimo, evitar novos. Afinal, aqui vos fala alguém que já tomou alguns pés na bunda e passa muito bem, obrigada.

    1. Dramatize (com data e hora para parar).

    Ninguém vai aguentar você chorando por muito tempo e quanto mais durar a sua dor, mais as pessoas se afastarão. Então aproveite os primeiros dias para dramatizar tanto quanto for possível. Chore muito, passe uma noite sem dormir se necessário, fique sem comer por 24 horas, ligue para amigos e amigas para desabafar, não tome banho, passe o dia descabelada, de pijama, vendo filmes de amor e tomando sorvete. MAS entenda que isso deve durar o mínimo possível. Você precisa saber a hora de parar e entender que esses são seus poucos dias de redenção. Daí para frente você começa a trabalhar na sua recuperação.

    2. Evite ter informações sobre ele.

    Talvez essa seja a etapa mais difícil. Parece um pouco infantil bloqueá-lo das redes sociais mas caso ele ainda não tenha feito, faça você. Preserve-se de saber detalhes da vida de solteiro dele no começo. Onde ele foi ou com quem saiu não é mais problema seu e não vai te ajudar a esquecê-lo.

    3. Não envolva a família dele.

    Entenda uma coisa de uma vez por todas: família é parcial sim e, por mais que os pais dele demonstrem que te acham a parte mais madura dessa relação, eles vão estar ao lado do filho nesse momento que (acredite você ou não) também está sofrendo. Não os procure e, caso eles te procurem, diga com educação que você prefere deixar este assunto entre vocês.

    4. Envolva a sua família.

    Estas são as pessoas que te amam incondicionalmente e que estarão lá para te dar colo, chocolate quente e ombros para chorar e chorar. Nessa hora você precisa se sentir amada, recolhida e aceita e esse conforto pode vir dos seus pais, irmãos, tios, avós, primos ou até mesmo daquela amiga de infância. Mas lembram-se: se você ainda acha que tem alguma chance de reconciliação, evite falar mal do ex. Sua família pode vir odiá-lo com a mesma intensidade que te ama.

    5. Programe uma viagem.

    Pode ser um final de semana no interior com amigos ou até um bate e volta para a praia. Sair da sua rotina e dos ambientes onde costumava estar com ele vai ocupar sua cabeça com novas lembranças e novas experiências.

    6. Faça uma limpa nas gavetas.

    Arrumar o guarda-roupa e dar embora o que não serve mais é uma metáfora do que você gostaria de fazer no seu coração. Funciona também para preencher o seu tempo e para te animar para a próxima etapa.

    7. Sinta-se linda.

    Já que você estava desapegada e resolveu dar várias de ruas roupas, que tal uma passada no shopping? Às vezes um par de sapatos novos faz maravilhas pela nossa autoestima. Experimente algumas maquiagens ou passe no salão para fazer as unhas. Aproveite a falta de apetite dos dias de drama para engatar uma dieta. O importante é perceber que ninguém pode cuidar melhor de você do que você mesma.

    8. Mude a rotina.

    Descubra um novo caminho para ir ao trabalho, comece um curso, entre para academia, passe a caminhar no parque, frequente novos lugares e baladas. Esteja disponível para convites inesperados. Um mundo novo vai se abrir, pessoas novas vão aparecer e quando você menos esperar já preencheu todo o tempo que costumava  passar com ele.

    9. Aprenda a gostar de estar só.

    Não se desespere se não tiver nada programado para o sábado à noite. Tome um banho longo, faça hidratação no cabelo, limpeza de pele, beba uma taça de vinho ouvindo a sua música preferida. Enfim, aprenda a se sentir bem e completa em sua própria companhia.

    10. Abra seu coração.

    A essa altura você já terá mudado, aos seus olhos e aos olhos dos outros. As pessoas são naturalmente atraídas por quem demonstra confiança em si e passa segurança. Então, abra seu coração e deixe entrar quem estiver na mesma sintonia. A vida é feita de Ciclos e cada um deles nos prepara para os próximos que estão por vir.


    " Todos os nossos conteúdos do site Casal Sem Vergonha são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa dos criadores do site, mesmo citando a fonte. "